PARE DE FUMAR

PARE DE FUMAR

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Pastor em vez de socorrer faz oração e mulher morre .


A Polícia Civil de Santa Catarina investiga a morte de uma mulher ocorrida dentro de uma igreja evangélica de Joinville, localizada na região norte do Estado. O caso ocorreu durante um culto religioso na noite da última segunda-feira. Miriam Rondam Cardoso, 34 anos, morreu vítima de parada cardíaca enquanto participava de um culto na Igreja do Evangelho Quadrangular. Ela tinha problemas cardíacos e possuía marca-passo. A família registrou um boletim de ocorrência acusando a igreja de negligência. Segundo os familiares, quando Miriam passou mal e desmaiou, o pastor evangélico teria pedido que os fiéis orassem pela sua recuperação. A vítima chegou a ser levada ao altar para receber bênçãos. A mãe a irmã da mulher afirmaram à polícia que o socorro teria sido acionado apenas após as orações, cerca de 50 minutos depois. Ela ainda foi encontrada pelos socorristas com vida, mas morreu a caminho do hospital. O pastor e os fiéis que estavam na igreja no momento da morte deverão ser ouvidos nos próximos dias. Miriam trabalhava como balconista e deixou dois filhos, de 12 e 14 anos. (Fonte Terra)


Resposta : Curso de Especialização em Capelania Hospitalar para esses pastores www.capelaniahospitalarlorena.blogspot.com e me desculpa mais , Cana para este Pastor Ignorante.

Um comentário:

  1. Eu acho que nesse caso quem deveria ter tido peito e falado que a mulher tinha problemas no coração era a família.
    Mas com certeza tmb não fizeram,pq ninguém imagina na igreja que quando uma pessoa cai é algum problema de saúde,sempre acham que é espiritual.
    Eu acho que a família esperava que o pastor ressussitace a moça como. Deu errado.

    ResponderExcluir