PARE DE FUMAR

PARE DE FUMAR

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Uso de maconha pode desenvolver câncer nos testículos



Droga ativa células que produzem esperma, o que leva à doença. Cocaína diminui as chances, mas prejudica a fertilidade masculina

Um estudo da Universidade do Sul da Califórnia encontrou uma ligação entre o uso de maconha e desenvolvimento de câncer testicular. Os resultados sugerem que a droga dobra a probabilidade do surgimento da doença e confirma conclusões de pesquisas realizadas nos últimos anos.
Para o estudo, Victoria Cortessis, líder do trabalho, examinou o histórico de 163 usuários diagnosticados com o tipo de câncer e outros 292 homens saudáveis com a mesma idade e etnia.
O câncer nos testículos costuma ser diagnosticado em homens na faixa entre 15 e 45 anos. A malignidade é cada vez mais comum no mundo. Pesquisadores suspeitam que isso se deva ao aumento da exposição a causas ambientais ainda não conhecidas.
— Não sabemos o que na maconha pode levar ao problema, embora se especule que ela possa atuar através do sistema endocanabinóide, que responde à droga e é o responsável pela formação de esperma. De alguma maneira, isso leva à doença — diz Victoria.
Os pesquisadores também descobriram que os homens com histórico de uso de cocaína tiveram uma redução nos riscos dedesenvolvimento do câncer testicular. A droga pode matar as células produtoras de espermatozoide, uma vez que tem este efeito sobre outros animais.
— Se isso for correto, o preço é alto. Embora as células germinativas sejam destruídas, a fertilidade também é prejudicada — alega Victoria. (|FONTE O GLOBO)
Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/saude/uso-de-maconha-pode-desenvolver-cancer-nos-testiculos-6026722#ixzz2jOl23rVu 

Resposta:Papo no Face com meu primo Luiz Carlos Azêdo   

BOA VOU DIVULGAR NO BLOG DO COMAD
10:53
Eu nunca fumei, ia experimentar nos 60 anos, mas com essa notícia adiei para os 80!!rsrsrs

KKKKKKKKKKK E EU PARA 100





Aproveite e assista ao Vídeo do PINTO E A MACONHA

video




Nenhum comentário:

Postar um comentário