PARE DE FUMAR

PARE DE FUMAR

domingo, 15 de junho de 2014

PASTOR PRESIDENTE DA REPUBLICA

PSC oficializa candidatura do Pastor Everaldo à Presidência da República

Convenção do partido ocorreu na Assembleia Legislativa de São Paulo.
Ainda foram lançados 60 candidatos a deputado federal e 100 a estadual.

O Partido Social Cristão (PSC) tornou oficial neste sábado (14), na Assembleia Legislativa de São Paulo, a candidatura do Pastor Everaldo à Presidência da República, durante a convenção nacional e estadual do partido
O PSC também confirmou o apoio à reeleição de Geraldo Alckmin (PSDB) para o governo de São Paulo. No entanto, o partido ainda não definiu quem será o vice na chapa com Everaldo. Pelo calendário eleitoral, a definição deve ser feita até o dia 30 de junho.
Além de candidato à presidência, o partido homologou as candidaturas de 60 candidatos a deputado federal e 100 a deputado estadual.
O anúncio da candidatura do Pastor Everaldo foi acompanhado por dezenas de militantes do partido, que celebraram com bandeiras e camisetas durante toda a convenção. Na última pesquisa Datafolha sobre a corrida eleitoral para o Palácio do Planalto, divulgada no dia 6 de junho, Pastor Everaldo aparecia em quarto lugar, com 4% das intenções voto.
“A nossa candidatura é a uma única que representa a verdadeira mudança no Brasil. Quero ser presidente com um governo sincero, honesto e próximo do cidadão. Prometo à nação brasileira, não vou decepcionar vocês”, disse Everaldo, em seu discurso na convenção.
“O governo atual é ausente, omisso e incompetente. Nenhum brasileiro aguenta mais. O Brasil de hoje está doente e precisa de uma ajuda imediata. Brasil feliz é quando ganhar Copa da educação, da saúde e da segurança pública”, afirmou.
Durante seu discurso, Everaldo apresentou o pai, irmãos, filhos e netos que acompanharam a convenção. Também participaram representantes do partido como os deputados Ratinho Jr., André Moura, líder do PSC na Câmara Federal, os senadores Marcondes Gadelha, Eduardo Amorim, do Sergipe, entre outros.

Após o encerramento do evento, o candidato recebeu a imprensa para uma entrevista coletiva. Ele evitou abordar temas polêmicos, mas disse que é a favor à vida desde a sua concepção, se referindo ao aborto, e que defende o casamento "como está na Constituição".

Everaldo disse ser pastor por "vocação", não por profissão, e afirmou ainda que não considera ser representante exclusivo dos eleitores evangélicos. "Como profissão sou corretor de seguros e atuário. Hoje confirmou-se a candidatura do Everaldo Pereira, candidato do PSC, candidato para todos os brasileiros e todos os cidadãos. Na hora da urna, não tem diferença, todos somos iguais.” Segundo ele, a maioria da bancada do PSC não é evangélica, e sim, católica.(fonte g1)
Resposta: Vou começar as vendas da CAMISETA PERÍODO ELEITORAL



Nenhum comentário:

Postar um comentário