PARE DE FUMAR

PARE DE FUMAR

quarta-feira, 15 de junho de 2011

MANCHETE NO JORNAL O LIBERAL Turistas começam a chegar para o Centenário



Centenário
Visitantes vêm de várias partes do Brasil e também do exterior
Oriundos de Belém, do interior do Pará, de outros estados e, até mesmo, de outros países, os fiéis da Assembleia de Deus começaram a chegar à capital paraense para participar das comemorações do centenário da igreja. Os assembleianos chegam de barco, avião, ônibus e carros particulares, mostrando que não há limites geográficos para tomar parte de uma das maiores festas do movimento pentecostal no Brasil. A organização dos festejos estima que 200 mil pessoas chegarão em caravanas à capital paraense nesta semana. Hospedados em albergues, colégios, hotéis, casas de fiéis e outros lugares, os turistas aguardam ansiosos o início oficial das atividades religiosas do festejo.
Pela primeira vez visitando Belém, o pastor Pele Horn Mark, da Suécia, no continente europeu, disse que é uma oportunidade única estar na cidade de fundação e expansão da Assembleia de Deus. "Belém marca a história desse movimento pentecostal. Os missionários mandados para esta cidade acreditaram nas promessas de Deus e viram os frutos dados por Ele", falou. Segundo ele, a fé do povo da capital paraense é feita de pessoas simples. "Fiquei impressionado ao ver o painel com os nomes das pessoas que contribuíram para a construção do Centro de Convenções. Percebi que esta festa está sendo feita porque pessoas simples possuem fé e mostram que não há barreiras para louvar a Deus".
O pastor lembrou, ainda, que depois do centenário a igreja deve buscar a expansão. "Depois das comemorações do centenário a igreja deve ter uma nova visão de mundo para alcançar os corações de novos fiéis, até porque novos missionários estão surgindo e, portanto, espera-se que eles possam assumir sua missão assim como Daniel Berg e Gunnar Vingren fizeram. Assim, nossa igreja deverá se expandir mais e alcançar a cada ano mais corações", refletiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário