PARE DE FUMAR

PARE DE FUMAR

sábado, 4 de abril de 2015

Lagoinha transforma boate em igreja

Lagoinha transforma boate em igreja e atrai jovens: “é atraente para eles”

A Igreja Lagoinha Savassi, localizada na zona sul de Belo Horizonte (MG) tem atraído um grande número de jovens por ser uma igreja completamente diferente da sede – que fica na Vila Gustavo- não apenas diferente na sua estrutura, por estar dentro de uma boate, mas diferente em suas liturgias.
As paredes da Savassi são pretas e dentro as iluminações são semelhantes a de casas noturnas, estabelecimento comum no bairro, tanto é que o local já foi espaço de sete boates até se tornar uma igreja.
Os cultos acontecem nas quartas, sábados e domingos e são liderados pelo pastor Flavinho Marques, 29 anos, e pelo pastor Victor Passos, 27 anos, com o objetivo é atrair cada vez mais o público jovem.
“Por ser em um bairro boêmio, que atrai muitos jovens, investimos em um trabalho para deixar com a cara do lugar. O nosso alvo é o frequentador da Savassi e também o morador da região sul. A igreja já é diferente porque é dentro de uma boate. As paredes são pretas, o louvor tem uma ‘cara’ de boate, com jogo de luz. A mensagem é inspiradora, temática, para que a gente consiga alcançar os jovens. É atraente para eles”, diz o pastor Marques.
Passos também comenta que eles acolhem todas as pessoas que chegam até a Lagoinha Savassi, até mesmo as que entram sem saber que é uma igreja. “A gente recebe pessoas que nem sabiam que era uma igreja e entrou lá. A estrutura já deixa o visitante à vontade, porque o interior é escuro e a luz, baixa. A nossa intenção é de receber todas as pessoas, da melhor forma possível. Se alguém chegar com cheiro de cigarro, ou cheiro de bebida, ela vai ser recebida da mesma forma. A gente quer que essas pessoas tenham uma experiência com Jesus.”
Os cultos começaram a ser realizado em outubro de 2014 e no Réveillon de 2015 a igreja foi inaugurada oficialmente. Ao longo desses meses muitos jovens se interessaram pela igreja que hoje conta com cerca de 650 fiéis.
“O que me atraiu foi justamente esse visual diferente. No primeiro momento, achei estranho, mas, depois que comecei a frequentar mais, vi que, apesar de toda estrutura, é uma igreja séria, em que a palavra de Deus é pregada”, disse a estudante Fernanda Lucas, de 21 anos, frequentadora da Lagoinha Savassi há seis meses. Com informações Encontro BH
Resposta: Quando fui Secretario da Infancia e Juventude de Lorena está planejando fazer este tipo de trabalho nas quadras das comunidades semanalmente  para fazer integração dos jovens de Lorena  e também fazer PREVENÇÃO e FALAR DE DEUS PARA OS JOVENS .................
Para Lagoinha PAABÉNSSSSSSSSSSSSSS PELO TRABALHO 


Nenhum comentário:

Postar um comentário